sábado, 29 de dezembro de 2012




"Eles não se entendiam, raramente concordavam em algo. Brigavam sempre. E se desafiavam todos os dias. Mas, apesar das diferenças, tinham algo importante em comum: eram loucos um pelo outro."

(Diário de uma Paixão)

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012


"Tenham amor, pois o amor une perfeitamente todas as coisas. O amor é o vínculo da perfeição."

Colossenses 3:14

terça-feira, 13 de novembro de 2012

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

"É fácil amar o outro na mesa de bar, quando o papo é leve, o riso é farto, e o chope é gelado. É fácil amar o outro nas férias de verão, no churrasco de domingo, nas festas agendadas no calendário do de vez em quando. Difícil é amar quando o outro desaba. Quando não acredita em mais nada. E entende tudo errado. E paralisa. E se vitimiza. E perde o charme. O prazo. A identidade. A coerência. O rebolado. Difícil amar quando o outro fica cada vez mais diferente do que habitualmente ele se mostra ou mais parecido com alguém que não aceitamos que ele esteja. Difícil é permanecer ao seu lado quando parece que todos já foram embora. Quando as cortinas se abrem e ele não vê mais ninguém na plateia. Quando o seu pedido de ajuda, verbalizado ou não, exige que a gente saia do nosso egoísmo, do nosso sossego, da nossa rigidez, do nosso faz-de-conta, para caminhar humanamente ao seu encontro. Difícil é amar quem não está se amando. Mas esse talvez seja, sim, o tempo em que o outro mais precisa se sentir amado. Eu não acredito na existência de botões, alavancas, recursos afins, que façam as dores mais abissais desaparecerem, nos tempos mais devastadores, por pura mágica. Mas eu acredito na fé, na vontade essencial de transformação, no gesto aliado à vontade, e, especialmente, no amor que recebemos, nas temporadas difíceis, de quem não desiste da gente."


sábado, 10 de novembro de 2012

quarta-feira, 7 de novembro de 2012



"Ficar com alguém só por amor é uma péssima ideia. Pessoas que se recusam a acreditar nesse fato acabam quebrando a cara incontáveis vezes. Porque o amor é necessário, mas ele, sozinho, não sustenta uma relação. É preciso muito mais do que isso. Parceria, respeito, companheirismo, objetivos de vida similares, sexo de qualidade, são apenas algumas dentre as diversas características necessárias pra se sustentar um relacionamento formado por duas pessoas distintas. Sem elas, desculpe-me o Cazuza, nem todo amor que houver nessa vida é o bastante."






segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Tá vendo a felicidade ali na frente?

“Não, você não tá vendo, porque tem uma montanha de dor na frente. Continue andando. Você vai subir, vai sentir frio lá em cima, cansaço. Vai querer desistir, mas não vai desistir, porque você é forte e porque depois do topo a montanha começa a diminuir e o único jeito de deixá-la pra trás é continuar andando. Você vai ser feliz. Tá vendo essa dor que agora samba no seu peito de salto de agulha? Você ainda vai olhá-la no fundo dos olhos e rir da cara dela. Juro que tô falando a verdade. Eu não minto. Vai passar.”
— Caio Fernando de Abreu



sexta-feira, 26 de outubro de 2012


A melhor época da vida é o hoje.

Não importa se vc tem 20, 30, 40 ou 50 anos, o que realmente importa é viver o hoje com tamanha intensidade para que ao chegar mais na frente vc não cite apenas uma idade em que foi feliz, mas que possa contar os inúmeros momentos de felicidade que vc teve em toda a sua vida.

O momento de ser feliz é HOJE!



quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Happy :)


Por muito tempo eu procurei uma coisa que nem eu sabia ao certo o que era. E hoje eu me sinto bem porque mesmo sem saber nomear, eu sei que eu encontrei e me sinto a pessoa mais feliz do mundo por causa disso.



terça-feira, 4 de setembro de 2012


Eu acredito em rosa. Acredito que rir é o melhor queimador de calorias. Eu acredito em beijar, beijar muito. Eu acredito em ser forte quando tudo parece estar indo mal. Eu acredito que as meninas felizes são as meninas mais bonitas. Acredito que amanhã é outro dia e eu acredito em milagres.

Audrey Hepburn


segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Amizade, mas o que isso realmente significa?



Ultimamente eu ando tão decepcionada que em algum momento eu estou começando a duvidar de algumas coisas. Do que adianta conhecer uma pessoa por muitos anos se de uma hora pra outra todo o discurso de amizade em qualquer situação, simplesmente muda a menor besteira que aparece.
Amizade pra mim é ter intimidade o suficiente pra falar na cara o que incomoda, o que vc não acha que tá certo sem esquecer que críticas são pra ser ouvidas com atenção, pq se vem de um AMIGO é sempre uma oportunidade de repensar no que vc pode estar errando.
AMIZADE é saber escutar e saber a hora de deixar o orgulho de lado, não dar o braço a torcer, mas pensar se realmente vale a pena brigar por tão pouco.
ORGULHO? Acho que esse sentimento não deve existir onde existe AMIZADE.
Amizade é se colocar no lugar do outro pra saber o que a pessoa está realmente passando. Amizade inclui, antes de tudo, AMOR pela pessoa. AMAR não é só querer estar ao lado enquanto se diverte ou está pensando igual, é respeitar o pensamento e as decisões do outro, é ser leal mesmo quando as ideias não forem as mesmas.
Então eu acho que tem gente que realmente precisa sair do seu mundinho e repensar, deixar o orgulho de lado pra poder perceber aonde vem errando e que continuando dessa maneira as coisas só vão piorar.

segunda-feira, 28 de maio de 2012

"Me encontro tão ferida..."


Confusa, com medo, sentindo uma pá de coisinhas ruins.
Medo, acho que isso é o que mais predomina.
Medo de não conseguir ser forte o suficiente;
Medo de não conseguir manter a minha decisão, mesmo sem ter tomado nenhuma decisão concreta;
Medo de uma porção de coisa que passa na minha cabeça, mas acho que o meu maior medo é de não conseguir esquece-lo por completo acabar me machucando mais. Porque eu não sei que alternativa dói mais, se é deixar pra lá ou continuar levando adiante uma coisa que eu sei que no fundo, bem la no fundo não vai dar certo.
Medo de tantas outras coisas das quais não consigo expressar.
Mas apesar de tudo, ainda olho o meu celular de 5 em 5 minutos e cada vez uma decepção ainda maior, porque parece que o que eu mais quero ver é uma coisa que vai ficando cada vez mais impossivel de se conseguir.
Porque apesar de todo o medo, ainda resta dentro de mim, uma pontinha de esperança...


"Mas já não sei de que forma 
mesmo você foi embora..."

sexta-feira, 11 de maio de 2012


Bom mesmo é o abraço no meio da noite, 
te puxando pra mais perto 
como se dormir abraçados ainda não fosse suficiente.


quarta-feira, 28 de março de 2012


Eu te preciso. Perto, longe, tanto faz.
Caio Fernando Abreu



As palavras simplesmente me fugiram a mente. É melhor deixar o sentimento aqui dentro, que vale bem mais do que qualquer palavra estupendamente bonita que eu pense ao tentar descreve-lo. Porque apesar de tudo e com tudo, ele é o meu chatinho mais lindo. 
"Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure."
(Vinicius de Morais)

quinta-feira, 8 de março de 2012

Eu nunca pensei que eu iria ter tamanha intimidade e carinho por uma pessoa, como eu tenho por ela.
Desde crianças melhores amigas, tantas conversas, tantas aventuras, tantas brigas e ainda depois de tantos anos, continuamos tão unidas. E agora mais do que nunca.

Ultimamente temos passado tanto tempo juntas e o carinho só vai aumentando. Porque AQUELA intimidade, só com ela.

Com ela que eu brigo, implico, bato, converso, dou muita risada, choro, durmo, como, enfim...Doidiças, farras, bebedeiras, burradas e afins só com vc!




Te amo, minha prima-amiga-irmã!



terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Chegando perto dos 20 aninhos me peguei a pensar em tudo que ja se passou nessas duas ultimas décadas.
No mundo muita coisa mudou. Há 20 anos atras ninguém iria imaginar que computadores e celulares iam ser tão essenciais na vida de todo o ser humano. Mas deixando os acontecimentos da globalização de lado. O que  aconteceu na minha vida em 20 anos?
Uma vida inteira eu ja vivi.
Chorei, sorri, abracei, amei, desamei, gostei, desgostei, cheguei a pensar que amores durariam para sempre e me decepcionei com a maioria deles. Pulei, beijei, dancei, cantei (e como cantei), dormi, quis sair, quis ficar encolhida debaixo do edredom. Cai, levantei, aprendi que um baque grande machuca, mas que depois a dor passa, a gente esquece que caiu, mas nunca vai esquecer do que aprendeu na queda. Aprendi que confiar em todo mundo não me leva a lugar nenhum, mas que confiar nas pessoas certas é uma das melhores coisas que se pode ter na vida. Ja passei horas admirando o mar, a lua, a chuva. Viajei, me diverti muito com pessoas que hoje nem ao menos fazem parte da minha vida. Fiz amigos de infância que mesmo longe e sem contato eu guardo com todo o carinho do mundo. Já vive aventuras inimagináveis e muitas delas sem nem ao menos ir muito longe, só estando na presença das pessoas certas. Já sonhei e destroquei de sonhos, de ideia... E como fiz isso. Mudei de gosto musical incontáveis vezes.  Ja passei noites em claro só falando no celular com muitas pessoas e também só com aquela que me fazia suspirar nas músicas mais românticas. Já quis sumir, correr pra longe de todos os problemas, mas depois aprendi que quando eu resolvia voltar, todos os problemas ainda iriam estar no mesmo lugar em que os deixei.
E analisando tudo isso, não me arrependo de nada. Porque, por mais que seja clichê dizer isso é a mais pura verdade, tudo que eu vivi até hoje, cada minimo momento me fez ser o que sou e são essas pequenas coisas que daqui a 20 anos, irei lembrar com uma saudade gostosa e dizer que se pudesse faria tudo exatamente igual outra vez.



sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

a única coisa que me consola nisso tudo, é saber que papai do céu tem uma coisa muito, muito, mas muito especial me esperando la na frente :)

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

2012

Ja se passaram 4 dias desse novo ano.

Desde o final de 2011 que eu digo que 2012 vai ser "O ano", mas quem me garante que isso vai realmente acontecer?

Claro que só eu posso fazer do meu ano muito bom ou muito horrível. Muitas decisões eu já tomei e a unica coisa, como sempre, que eu quero é: MUDANÇA. Não pedi nada de muito especial pra esse ano, mas quero praticamente as mesmas coisas de sempre, FORÇA pra continuar mesmo quando tudo parecer impossível, SABEDORIA e DISCERNIMENTO para fazer a coisa certa e quando errar, HUMILDADE pra assumir o erro, levantar olhar pra frente e seguir corrigindo sempre o que ficar errado ou faltando. E acima de tudo , porque quem sou eu se não tiver fé e reconhecer que Deus esta sempre acima de toda e qualquer coisa e que se não for da vontade e permissão dEle, nada do que eu venha a desejar vai se concretizar. Por isso uma das coisas que eu mais quero é que 2012... SURPREENDA-ME!