domingo, 12 de maio de 2013

Sobre amar...

O que poderia ser dito de um ato tão sublime, da ação onde um sentimento se manifesta dentro da gente sem que possamos nos controlar?

Amar é relativo, cada pessoa ama ao seu jeito.

Quem sou eu pra dizer que amo mais que fulano? Existe uma fita métrica, uma balança capaz de medir tal sentimento?

Creio que isso jamais poderá ser feito, assim como qualquer pessoa jamais será capaz de duvidar do que eu sinto, mesmo que eu não demonstre o suficiente. Não existe palavra no mundo que descreva a imensidão do que acontece dentro de mim quando vc simplesmente se aproxima e eu solto aquele sorriso involuntário e sem graça. Por mais que eu tente ir contra, aquele simples sorriso me entrega completamente e a minha única opção é...





Te amar!




*Texto dedicado ao namorado mais chato e insuportável do mundo. Aquele que é meu desiquilíbrio e minha paz.*

4 comentários:

Lorenna Miranda disse...

poxa concordo com vc!
Ameei teu blog, mt criativo seus post.
te seguindo, segue de volta ?
http://lorisentimentos.blogspot.com.br/
BJOS.. DE SUA NOVA SEGUIDORA ! :)

Lorenna Miranda disse...

resumindo.. P-E-R-F-E-I-T-O

carlos augusto Andrade disse...

Olá. Parabéns pela postagem. Estou seguindo seu blog. Siga o meu http//:gauchaopina.blogspot.com, se QUISER. Curta a minha página no Facebook também: http://www.facebook.com/BlogPlanetaCurioso?ref=hl .Até mais e obrigado. Um abraço. Admiro todos os blogueiros, que lutam por um espaço na internet.

Andreza Mattos disse...

Oi...
Adorei o seu blog e já estou seguindo...
Faça uma visita no meu blog, ele é novo e todos os dias tem novidades!!! Se gostar, siga também!

Espero sua visitinha!

Bjos
Andreza

http://blogdremattos.blogspot.com.br/