segunda-feira, 18 de janeiro de 2010


[...] Fácil é julgar pessoas que estão sendo expostas pelas circunstâncias.Difícil é encontrar e refletir sobre os seus próprios erros. Fácil é fazer companhia a alguém, dizer o que ela deseja ouvir.Difícil é ser amigo para todas as horas e dizer a verdade quando for preciso.Fácil é analisar a situação alheia e poder aconselhar sobre a mesma.Difícil é vivenciar esta situação e saber o que fazer. [...] É lógico que, por vezes, o bolo sola, o pneu fura, chove demais.Às vezes se espera demais das pessoas.Normal. A grana que não veio, o amigo que decepcionou, o amor que chegamos a pensar que acabou.Normal.Todos nós devemos transformar tudo em uma boa experiencia.

Um comentário:

Natália Bittar disse...

ameei o post *-*
fácil é viver a vida do outro e opinar sobre ela com total certeza!
Difícil é encarar quando as coisas ruins acontecem conosco e esquecemos que elas tem solução!